“Toda nossa tradição espiritual o ocidental é baseada no sofrimento, ‘Deus se deleita quando vê os homens sofrendo’, por isso que as pessoas religiosas, quando elas vão fazer promessas, o que é que elas prometem a Deus? Elas poderiam prometer, ‘Senhor, se me concederes essa bênção, eu prometo que todos os dias às 6 horas da tarde vou lhe ler um poema de Fernando Pessoa’, mas ninguém oferece coisa boa pra Deus, oferece o que? Subir 400 degraus de joelhos, a idéia de que Deus é sádico, ele fica feliz quando a gente sofre… e isso é uma coisa tão horrível”. Porque nas escrituras sagradas está escrito que Deus criou um jardim de delícias, nós fomos criados para a felicidade”.
Rubem Alves, a Antonio Abujamra no programa “Provocações” (513)

Fonte: http://dharmalog.com/2014/07/22/rubem-alves-vida-morte-criancas-felicidade/